Blogroll

Translate

Rapper fez menção às prisões da artista no hit "Give Me Everything"



O resultado do processo movido por Lindsay Lohan contra o rapper Pitbull não foi favorável à estrela.

Em 2011, a atriz de Meninas Malvadas processou o músico por ter mencionado seu nome na faixa "Give Me Everything (feat. Ne-Yo, Nayer and Afrojack)", na qual há uma referência às suas idas à prisão.

Na ação judicial, a americana reclamava uma fração dos lucros do hit, alegando nunca ter dado permissão para o uso do seu nome.

De acordo com o site TMZ, o juiz federal Denis Hurley de Nova Iorque recusou ontem (21) o processo com base na Primeira Emenda da Constituição dos EUA, que garante a liberdade de expressão artística. Para o magistrado, o nome de Lohan não foi utilizado a ponto de causar algum dano moral.

Recentemente, a artista revelou que está recebendo ajuda da família para lidar com o estresse causado pelos sucessivos problemas com a justiça.




siga-nos no twitter

Leave a Reply

Comentários com xingamentos, palavrões, ou com conteúdo descriminatório não serão aprovados.